Este é o meu quartinho de bagunça. Da embalagem vazia de Chokito ao último livro do Saramago que eu não terminei de ler, você encontrará aqui de tudo um pouco.

terça-feira, dezembro 25, 2007

VanOr responde -- Natal 2007

Querida VanOr,

Meu nome é Pedro Augusto, ex-PeuGuto, ex-Fantástico Engolidor de Pilhas, atual O Cara. Tenho 5 anos e começo a achar que Papail Noel não é tão concreto quanto o monstro Beleléu, que leva os brinquedos que eu não guardo, embora Papail Noel compareça todos os anos e, neste, o Beleléu só apareceu uma vez, e pra minha Djindinha no carnaval de Salvador, mas ela o agarrou pela camisa, cravou as unhas profundamente nas carnes de sua bunda, Beleléu ficou muito assustado, mas mesmo assim deu conta de fugir com 50 reais que ela ia gastar em pipoca e refrigerante. Eu acho. Não importa. A questão é que eu acho que Papai Noel é estranho. Explico:


- No início ele era gordo. Meu pai é gordo. Se Papai Noel estava, meu pai sumia. Estranho.
- Depois ele ficou alto e veio de tênis. Meu pai tem um amigo com um tênis igual àquele, e quando o Papai Noel veio, o tio sumiu. Estranho.
- Este ano, Papai Noel veio ainda mais alto, sem gorro e com o cabelo torto, no meio da testa. Achei estranho ele conseguir arrumar o cabelo, porque eu não consigo mudar o cabelo de lugar. Djindinha também reparou e disse que ele tinha vindo de moto, por isso perdeu o gorro e o cabelo ficou todo doido. Achei estranho, mas o mais intrigante é isto:

- Há umas duas semanas, eu e meu pai fomos ao shopping entregar minha carta pro Papai Noel. Nos anos anteriores, meus pais colocavam a carta no correio, mas este ano ficou em cima, então fomos direto ao Papai Noel. Tirei foto com ele, mas achei que o bom velhinho estava muito diferente do que eu me lembrava, então pedi pro meu pai ligar pra Djindinha, que é a veterinária da família, pra saber se alguma doença escandinava tinha acometido o cara. Reparei que sua barba era meio amarela. Nos desenhos, a barba do Papai Noel é branca. Djindinha me garantiu que a barba branca, de verdade, é meio amarelada. Só que a barba do Papai Noel de ontem, o que trouxe presente, era branca. Estranho pacas.

Enfim, pô: Papai Noel existe ou não?

beijo grande,

O Cara Grande

***

Querid'O Cara,

Esta talvez seja a pergunta mais difícil que eu já recebi em toda a vida. Geralmente as pessoas me trazem dilemas existenciais ridiculamente fáceis de resolver com uma saraivada de joelhaços, mas este... caraca! Vou tentar pelo começo. Ou pelas beiradas.

Sua Djindinha disse que a barba de verdade é amarelada? Estranho. Ela tinha uma avó de cabeça bem branquinha, e essa avó tinha quase a mesma idade do Papai Noel, por isso ela sabe muito bem que o cabelo branco de verdade pode ter tonalidades entre o cinza e o azulado, dependendo do xampu tonalizante que a pessoa velha adote. Xampu tonalizante sai a cada lavagem, de forma que é possível (estou tentando entender o mistério, calma) que Papai Noel tenha usado um xampu amarelo, tipo o Johnson, pra lavar a barba no dia que você o encontrou no shopping; já no Natal, esse amarelo tinha saído completamente, porque Papai Noel toma muitos banhos por dia nesta época do ano. Ou seja: ficou com a barba branco de novo. Então já resolvemos o problema da cor, vamos ao da altura, da largura e dos calçados inadequados.

Nem todas as pessoas são gordas para sempre. Muitas pessoas gordas fazem cirurgia de redução de estômago, dieta, se apaixonam ou adoecem, e aí ficam magras. Papai Noel pode ter feito todas essas coisas. Além disso, em Salvador, porque é tão quente, as pessoas ficam mais altas porque dilatam. E dilatam pra cima e pros lados, mas como o Papai Noel só come depois de distribuir todos os presentes, ele só pode dilatar pros lados quando você já está dormindo. Por isso que ele é gordo de dia e magro de noite.

Quanto aos sapatos, você é pequeno demais pra entender como é difícil estacionar um carro - quiçá um trenó cheio de renas! - nesta época do ano. Aí, o que Papai Noel, coitado, é obrigado a fazer pra ganhar tempo? Estaciona no shopping mais próximo e corre, de tênis, de casa em casa. Senão não dá tempo, que Natal só dura um dia, e um dia só dura 24 horas. Você já sabe contar até 24? Então.

Resumindo, depois de muito matutar, com toda a sinceridade do meu coração: Papai Noel existe, sim. E sua Djindinha é ridícula: onde já se viu Papai Noel de moto?!? A gente só anda de moto se tiver capacete, e eu nunca vi Papai Noel de capacete! E coitadas das renas: se Papai Noel arruma uma moto, elas vão ficar desempregadas, e perder o emprego no Natal é o fim da picada.

beijo ainda mais grande, digo, maior,

VanOr

|

Links to this post:

Criar um link

<< Home