Este é o meu quartinho de bagunça. Da embalagem vazia de Chokito ao último livro do Saramago que eu não terminei de ler, você encontrará aqui de tudo um pouco.

quinta-feira, setembro 04, 2008

&*%$#&@&#!!!

Estou oficialmente de mau-humor. Minhas férias estão acabando. A Proibição não está mais dando certo e eu voltei a me aborrecer de montão. Não estou mais conseguindo acionar o estado de ausência mental. De repente ficou quente aqui. Não sei por que eu trouxe casaco se o clima pede biquini. Calor, aquecimento global, espécies em extinção, crianças disputando comida com os urubus no lixão de Gramacho. É incrível, mas tudo que eu penso parece ter um desdobramento desagradável. Eu fui envenenada pelos hormônios da TPM, só pode ser isso! Eu preciso ser castrada, não suporto essas ciclotimias.

Ontem me aborreci porque não tinha ingresso para Mamma Mia no quiosque da TKTS. Depois me aborreci porque não conseguia controlar minha irritação só com o poder da mente, então pedi ao Ken pra gente voltar ao Russian Vodka Room e, assim, fazer um controle etílico-gastronômico do meu mau-humor. A coisa tá russa a esse ponto, mas a boa notícia é que a vodka (e o salmão defumado com cogumelos flutuando em manteiga) aplaca qualquer ira, pelo menos até a ressaca do dia seguinte.

Talvez não seja TPM, talvez haja um motivo real para eu estar assim, tão destemperada. Sim, minhas férias estão acabando: isto é um motivo real bastante relevante. Não vou conseguir esperar um ano pras minhas próximas férias, um ano é muito tempo, minha gente: são 365 longos dias! Agora faltam 3 dias para o fim das minhas férias e a única coisa que eu posso afirmar é que eu não vou agüentar. É possível que eu morra antes disso. Ninguém deveria morrer antes das férias, isso é muito injusto. A vida é um sopro, e é por isso que, nas próximas férias, se eu estiver viva até lá, eu definitivamente não colocarei qualquer sapato de salto alto na mala porque pode ser que eu resolva usar. E a vida é muito curta pra gente usar salto alto. Tom, eu não conseguiria correr 10 metros em tacones lejanos. Essas mulheres são loucas. Na próxima mala, não entra nem sapato de salto, nem casaco. A gente nunca deveria tirar férias num lugar onde seja preciso usar casaco.

Três dias. Você conta até 3 e pronto, os 3 dias se foram. Não dá pra fazer nada em 3 dias. Se desse, Deus teria feito o mundo em 3 dias e descansado nos 4 restantes, porque O Cara pode até vacilar e coisa e tal, mas Ele sabe que todo mundo merece férias. Foi Ele quem começou com esse papo de descansar no sétimo.

A fim de reduzir essa tensão pré-trans-pós férias, além de todas as coisas que já vinha fazendo para cultivar boas endorfinas, não vai ter jeito: vou ter de comprar um vestidinho. Odeio quando isso acontece.

|

Links to this post:

Criar um link

<< Home