Este é o meu quartinho de bagunça. Da embalagem vazia de Chokito ao último livro do Saramago que eu não terminei de ler, você encontrará aqui de tudo um pouco.

sexta-feira, julho 04, 2008

TPréM, TeM e TPósM

Pode ser só inferno astral, mas também pode ser um novo código internacional de doenças mentais severas, não sei. Só sei que eu tenho vivido dias, semanas e talvez meses daquilo que eu gostaria que a Ciência chamasse no futuro, em homenagem à primeira mulher a se rasgar de cima a baixo com a moléstia, de Síndrome VanÓrica da Tensão Pré, Trans e Pós Mentrual. É uma coisa de louco, gente. Estou com o capeta no corpo, e olha que nem ele me agüenta!

São sintomas desta rara e aterrorizante síndrome:

1) Completar as frases do locutor da rádio de notícias, esse desgraçado incompetente que não anunciou a tempo que o trânsito estaria uma merda logo na via sem-pre desobstruída que eu tomo:
- "As fortes que chuvas que cairam na cidade hoje..."
- ... ME DEIXARAM FORTEMENTE ENGARRAFADA NESTA MERDA DE TÚNEL, O QUE POR SUA VEZ ME DEIXOU FORTEMENTE PUTA DA VIDA.

2) Substuir a inspiração pela bufada pra dentro e a expiração pela bufada pra fora.

3) Ver a ex-réfem da Farc sair linda e rejuvenescida do cativeiro de cinco anos e, em vez de ficar feliz por isso, suspeitar que os dermatologistas, cirurgiões plásticos e dentistas da selva devem ser muito bons, além de possivelmente americanos. Mais dois dias até esse resgate, e Spielberg compraria a história, se já não a estivesse dirigindo.

4) Atribuir mentalmente nomes de bichos a todas as caras desconhecidas que passam por mim pelas ruas, simpáticas ou não:
- Baleia orca.
- Porco chauvinista.
- Fuinha!

5) Esquecer a data da menstruação e ser pega de surpresa pelo fluxo, pois é comum nesta síndrome que o humor seja permanentemente como o da TPM - da pior TPM -, variando de muito ruim a ruinzinho à beça.

***

A notícia boa é que o chocolate aplaca (um pouquinho só, não quero encher o mundo de esperanças) a manifestação feroz-furiosíssima da TPTPM. Fiz estoque de chokito para evitar o pior.

|

Links to this post:

Criar um link

<< Home