Este é o meu quartinho de bagunça. Da embalagem vazia de Chokito ao último livro do Saramago que eu não terminei de ler, você encontrará aqui de tudo um pouco.

domingo, junho 21, 2009

Vida de cachorro

Hoje eu ganhei uma musiquinha de presente e meu dia ficou mais feliz. Mais feliz do que já tinha começado, e já tinha começado bem porque, amigos, estou apaixonada. E fui correr esta manhã com o objeto da minha paixão, que não só acorda cedo como eu, o que pra mim é uma questão de caráter (afinal, Deus só ajuda quem cedo madruga, no matter how fucking late you sleep on Saturday), como também gosta de Mutantes. Mutantes, OK? E a música, Lombardi, é: Vida de Cachorro. Uma música fundamental que, não sei como, eu não conhecia. Pra vocês verem como a vida nos surpreende, de uma forma ou de outra.

Estimo a todos uma linda semana. E espero que vocês não tenham 5 cachorrinhos porque, se tiverem me ouvido pelo menos um pouquinho nos últimos 4 anos, saberão que quem ama, castra. Não no sentido figurado, mas no sentido literal, num contexto veterinário, enfim: castrar seu bicho é legal, seu marido ou namorado ou amante, não, mas estou sem tempo e sem saco de me explicar melhor. Devem ter arrancado meu saco numa castração não-literal, ainda não sei.

Beijo grande,

Van'Or (um ser enlevado pela paixão)

|

Links to this post:

Criar um link

<< Home