Este é o meu quartinho de bagunça. Da embalagem vazia de Chokito ao último livro do Saramago que eu não terminei de ler, você encontrará aqui de tudo um pouco.

sexta-feira, outubro 30, 2009

Palavreado engrandecido

Para o meu mais completo choque e horror, apesar de eu já ter recebido um sinal divino de que sofro de um distúrbio léxico avançado, ontem, uma das estagiárias da Clínica me fez a seguinte revelação bombástica:

- Você falou 'caralho' pro cliente.
- Oi? Eu disse o quê?
- "Isso dói pra caralho!"
- Caralhos me mordam! Eu disse isso?
- Disse.
- Mas fratura dói pra caralho e ele achava que o cachorro estava muito bem, o que mais eu poderia dizer?
- Ah, sei lá. Algo mais formal.

De forma que eu decidi que vou trocar todas as palavras grandes por sucedâneos do português formal. Pênis enorme, você defecou o esperma todo. Ah, vá ser penetrado pelo ânus! Vá você, seu filho da prostituta! Pênis imenso, esse homossexual está enchendo o esperma da minha bolsa escrotal. Escreva o que eu estou dizendo, ele vai co-pu-lar comigo!

Pensando bem, fô-se. Para bom entendedor, meio palavrão basta. Nada como cará pra dar a ênfase exata às coisas que precisam ser exatamente enfatizadas. Tomá no.

***

ATUALIZATION: O Tom Taborda, meu muso da última flor do Lácio, refinou estupidamente minha tradução das palavras baixas para palavras altas, e eu tinha que compartilhar isso aqui com vocês porque algumas pessoas, como minha adorada mãezula, não sabem abrir caixa de comentários:

VanOrita, já que é para substituir, faça-o em linguagem castiça: macrofálico, você coprocontaminou a amostra seminal! sodomize-se! vá vc, rebento de marafona! megapriápico, esse uranista está causando retenção seminal na minha bolsa cremastérica! E, biblicamente: ...ele vai me co-nhe-cer!  BTW: 'biscoito' não significa 'duas trepadas'

|

Links to this post:

Criar um link

<< Home